domingo, 6 de abril de 2008

Zé da Chuva

De madrugada as águas
dormem.

Um comentário:

SAULO PRADO disse...

Gosto muito quando encontro Blog de conterraneos meu; estarei sempre por aqui...